1/07/2011 12:12 pm

AGED recebe veículos do Fundepec para fiscalizar criadores inadimplentes

aged recebe veiculos do fundepecO trabalho de fiscalização da Agência de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) junto aos criadores inadimplentes que não vacinaram seus animais contra a febre aftosa ganhou um reforço do Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Maranhão (Fundepec)

 

aged recebe veiculos do fundepecO trabalho de fiscalização da Agência de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) junto aos criadores inadimplentes que não vacinaram seus animais contra a febre aftosa ganhou um reforço do Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Maranhão (Fundepec), que entregou 26 veículos para que os técnicos da Aged realizem o trabalho. A solenidade de entrega aconteceu no final da tarde desta terça-feira (21), no pátio da Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema).

 

O secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Cláudio Azevedo, e o diretor geral da Aged, Fernando Lima, receberam as chaves dos veículos das mãos do presidente do Fundepec, Osvaldo Serra e de alguns dos gestores dos órgãos que fazem parte do fundo, o presidente da Associação dos Criadores do Maranhão (Ascem), Marco Túlio Dominici; presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Maranhão (Faema), Hilton Coelho; e presidente do Instituto de Agronegócios do Maranhão (Inagro), José de Jesus Reis Ataíde.

 

Cláudio Azevedo fez questão de ressaltar a Parceria Público Privada (PPP) entre o Governo do Estado e os criadores maranhenses. “Esse é o resultado da primeira público-privada entre o governo e entidades de classe. Os criadores do Maranhão vem contribuindo com o Fundepec e, assim, ajudando o estado a manter a sanidade animal de seus rebanhos, e, especialmente, alcançar o status sanitário de zona livre de febre aftosa”, ressaltou Azevedo, que informou ainda que o Fundepec doou no ano passado 50 computadores com impressoras e nobreaks para os escritórios regionais da Aged, contribuindo para a informatização do órgão.

 

Para o presidente do Fundepec, Osvaldo Serra, que também é presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária, essa parceria com o governo estadual é fundamental para o desenvolvimento e aperfeiçoamento da pecuária bovina e bubalina, porque o dinheiro que é doado ao fundo trará inúmeros benefícios para o Maranhão. “Nós queremos a pecuária do Maranhão no primeiro mundo e esta doação dos criadores faz parte do nosso papel”, ressaltou ele.

 

Inadimplentes

 

Os veículos entregues pelo Fundepec serão disponibilizados inicialmente por um período de 30 dias para os técnicos da Aged se deslocarem até as fazendas para a entrega das notificações aos criadores inadimplentes. Após receber o documento, o criador que não vacinou seu gado terá um prazo de sete dias para se dirigir até um dos escritórios da Agência, onde receberá a multa para pagamento, no valor de R$ 200,00 mais R$ 5,00 por cabeça de animal vacinado.

 

O criador receberá também uma autorização para a compra de vacina no comércio, que só vende o medicamento com o documento emitido pela Aged. Os técnicos da Agência informarão também ao criador a data que o mesmo terá que vacinar seus animais. Essa vacinação é acompanhada in loco pelos técnicos do órgão.

 

Para os criadores que vacinaram seus animais e que não comprovaram no prazo determinado, ou seja, até o próximo sábado (25), a multa será no valor de R$ 200,00. O trabalho de fiscalização dos criadores inadimplentes está tendo o apoio do Ministério Público, com o auxílio de promotores de Justiça.

 

Fundepec

 

O Fundo de Desenvolvimento da Pecuária é uma associação civil, sem fins lucrativos, com duração por tempo indeterminado e de apoio a profilaxia e desenvolvimento da Pecuária Maranhense. Compõem o fundo entidades como o Sindicato da Indústria da Carne e Derivados do Estado do Maranhão (Sindicarne), o Sindicato das Indústrias de Leite do Maranhão (Sindileite), o Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV), a Superintendência Federal da Agricultura (SFA), a Aged e a Sagrima.

 

Para manter o Fundepec, o criador maranhense contribui regularmente por meio do pagamento da Guia de Trânsito Animal (GTA), que custa R$ 3,00 o documento e mais R$ 1,50 por cabeça de animal, sendo R$ 0,50 destinado para a conta do Fundepec.

 

Fonte: Sagrima

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO - Portal desenvolvido e hospedado pela ATI