5/07/2016 6:06 pm

Maranhão conquista índice vacinal contra febre aftosa acima de 98% pela terceira campanha consecutiva

resultado

Após o encerramento do período de comprovação de vacinas em 20 de junho, os resultados da I Etapa da Campanha de vacinação contra Febre Aftosa no Maranhão já estão disponíveis. De acordo com a apuração da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), o estado superou a meta de 90% estabelecida pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e imunizou 98,46% do seu rebanho bovino e bubalino entre 1ª de maio e 10 de junho. A porcentagem representa a vacinação comprovada de 7.513.765 bovinos e bubalinos.

“Mesmo com as dificuldades provocadas pela estiagem, que prejudicou agricultores e pecuaristas em grande parte do estado, alcançamos um resultado muito positivo. Com melhores condições climáticas e o esforço da equipe da defesa agropecuária, esperamos que a segunda etapa seja tão vitoriosa quanto esta”, ressaltou o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Márcio Honaiser

Para a Aged, o alcance de uma cobertura vacinal superior a 98% pela terceira campanha consecutiva demonstra que o produtor maranhense está consciente da importância de manter o gado vacinado. Antes de 2015, quando o estado bateu recorde de cobertura vacinal, o maior índice registrado havia sido de 97%, em 2011.

Na primeira etapa de 2016, o Maranhão também conquistou um novo recorde. Pela primeira vez, 100% dos animais de uma Unidade Regional da Aged foram vacinados. Todos os 8.301 bovinos e bubalinos registrados em São Luís, Alcântara, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar foram imunizados nessa fase. “Na UR São Luís, apesar de termos um rebanho pequeno, enfrentávamos dificuldades em virtude de os produtores estarem muito afastados uns dos outros e devido a carência de associações de produtores. O resultado positivo é fruto do empenho dos nossos funcionários para que alcançássemos a meta. Acabamos conseguindo o objetivo máximo”, destacou o chefe da regional, Assuero Batista Junior.

Viana foi a segunda regional com maior cobertura, registrando a vacinação de 99,99% do rebanho envolvido. Seguida por Açailândia e Chapadinha, com 99,88% e 99,86%, respectivamente.

Segunda fase

Pelo calendário do Mapa, a segunda fase da campanha de vacinação contra febre aftosa ocorre em novembro. Até lá, o governo estadual, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) e da Aged, trabalhará na estratégia de vacinação para o período. “Queremos investir ainda mais na educação sanitária e na comunicação. Nosso público alvo é diverso e engloba tanto grandes quanto pequenos produtores. Nosso foco é levar a campanha mesmo aos povoados que não contam com rádio e televisão”, esclarece o presidente da Aged, Sebastião Anchieta.

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO - Portal desenvolvido e hospedado pela ATI